Episódio #168 – Microestrutura da entrevista psiquiátrica

A estrutura conta, e muito, na realização de uma entrevista psiquiátrica. Nem mesmo o mais habilidoso e simpático dos entrevistadores pode renunciar a uma estruturação eficiente de suas entrevistas. No episódio 168 do PQU Podcast, apresentamos e conceituamos os elementos da microestrutura da entrevista psiquiátrica, usando como referência a proposta de Shawn Shea, que julgamos de utilidade ímpar na prática psiquiátrica.

Episódio #156 – Comunicação de más notícias

No episódio 156 do PQU Podcast descreveremos o protocolo SPIKES, desenvolvido para melhorar o modo como se comunica más notícias para o paciente. Provavelmente você já teve que dizer que determinado transtorno não tem cura, que exigiria tratamento prolongado... ou até mesmo internação integral. Ainda não aconteceu com você? Não se preocupe. Esse dia vai chegar. E quando isso acontecer, saiba que depois de escutar esse episódio você estará preparado – ou ao menos saberá como se preparar adequadamente – para o que der e vier.

Um psiquiatra inevitavelmente vai se deparar com pacientes que usam drogas. Também inevitavelmente, estes pacientes, em maior ou menor grau, terão dificuldades para falar sobre este uso. Sabendo disso, é mandatório para o psiquiatra em formação conhecer estratégias e técnicas que auxiliem na coleta de informações durante a entrevista com vistas a identificar uso de substâncias e, em caso positivo, caracterizá-lo da melhor maneira possível.

Episódio #128 – O Entrevistador Diligente – A cultura na Entrevista Psiquiátrica

O meio cultural em que o paciente cresceu e vive tem impacto direto na maneira como percebe seu sofrimento mental e como comunica seus problemas. O entrevistador diligente se vale de estratégias de entrevista que o auxiliam a contornar a barreira causada por diferenças culturais, facilitam o planejamento do tratamento, promovam a adesão e aumentem a satisfação do paciente com o atendimento.

Episódio #126 – O Entrevistador Diligente – em busca da pessoa no Paciente

É durante a já difícil tarefa de colher dados válidos e fidedignos sobre uma variedade de sinais e sintomas que o psiquiatra precisa, de maneira habilidosa e sutil, conduzir uma entrevista que permita e estimule o paciente a narrar as histórias de sua vida, seus sentimentos, suas opiniões, os valores que norteiam suas escolhas. No episódio de hoje do PQU podcast vamos falar sobre essa complexa tarefa.

Episódio #96 – O entrevistador diligente – transtornos de personalidade

Em uma entrevista psiquiátrica, quando chega o momento de avaliar um transtorno de personalidade, muitas dúvidas aparecem: Quando e como devo perguntar sobre um transtorno de personalidade? Devo apenas colher uma história de vida e a partir daí fazer o diagnóstico, ou devo perguntar por sintomas específicos? É possível fazer o diagnóstico de um transtorno de personalidade na primeira consulta? Neste episódio do PQU Podcast vamos delinear estratégias de investigação de transtornos de personalidade que podem ajudar você, entrevistador diligente, a se tornar mais eficiente na coleta de informações confiáveis e elucidativas.

Episódio #79 – O Entrevistador Diligente – Familiares na Entrevista Psiquiátrica

Muito se fala na literatura em saúde mental sobre a família do paciente, também muito se fala sobre entrevista psiquiátrica, mas é escasso o material sobre como entrevistar a família de nossos pacientes. É justamente sobre isto o episódio de hoje do PQU Podcast!

Episódio #69 – O fechamento da Entrevista Psiquiátrica

Com esse episódio do PQU Podcast completamos a série sobre a estrutura da entrevista psiquiátrica. Nele abordamos a fase de fechamento da entrevista, a que vem em seguida ao corpo da entrevista. O fechamento é feito em aproximadamente 15 minutos – de uma entrevista padrão de 50 minutos – e é a fase em que o médico mais fala, valendo-se da orientação terapêutica, que engloba explanação sobre as hipóteses diagnósticas, sobre o que se deve esperar do tratamento e o esclarecimento de dúvidas que certamente aparecerão.

Episódio #57 – O seu paciente tem mentido para você!

Eu preciso contar uma coisa chata para você. Você nunca imaginou que isto aconteceria, mas é verdade, o seu paciente tem mentido para você! Fofoca? Não, realidade! Neste episódio do PQU Podcast mostro um estudo que investigou quais os assuntos e também os motivos que estão mais associados a omissão de informações clinicamente relevantes por parte dos pacientes, além disto discuto algumas técnicas para minimizar este risco.

Episódio #54 – Apaziguamento do paciente agressivo

Apaziguamento se refere ao processo explicito e colaborativo, por meio do emprego de técnicas verbais e não verbais, que busca diminuir a agitação e o estado de estresse do paciente com o propósito de evitar agressão e violência e diminuir o uso de estratégias mais invasivas como medicações ou contenção física. No dia- a dia de pronto-atendimentos, unidades de emergências, enfermarias psiquiátricas, ou mesmo serviços ambulatoriais você vai se deparar com pacientes agitados e potencialmente agressivos. O apaziguamento é sua primeira ferramenta, dominar este procedimento é fundamental!